Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
13:45 Jornal da Tarde
Ao vivo

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
29/07/2013 - 17h51min

Primeiro ciclo de audiências públicas do EaD encerra nesta terça-feira em Palhoça

Projeto de Lei do deputado Carlos Chiodini (PMDB) quer incluir alunos da educação a distância no sistema de bolsas de estudos mantido pelo Estado
Imprimir Enviar
Deputado Carlos Chiodini (PMDB). Foto: Solon Soares

A ampliação das bolsas de estudos do artigo 170 para educação a distância (EaD) pode acelerar o acesso de estudantes de baixa renda ao ensino superior. Esta foi à constatação de mais de 1500 pessoas, entre professores e estudantes que participaram das cinco audiências públicas realizadas na região norte do Estado. Esta primeira etapa de audiências encerra nesta terça-feira, 30, às 19h, na Fadesc, em Palhoça, Grande Florianópolis.

O Projeto de Lei Complementar 12/2012, do deputado Carlos Chiodini membro da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, prevê a inserção dos acadêmicos de cursos a distância no sistema de bolsas mantido pelo Estado. Projeto instituído pelo Artigo 170 da Constituição Estadual, porém este benefício é restrito atualmente aos alunos que realizam cursos presenciais.

As audiências percorreram na semana passada os municípios de Guaramirim, Joinville, Indaial, Balneário Camboriú e Rio do Sul. Em Indaial, o pró-reitor de EaD da entidade, Hermínio Koch, apresentou uma pesquisa feita com cerca de 15 mil acadêmicos de educação superior a distância no Estado, 90% deles não contam com auxílio financeiro das empresas em que trabalham e mais de 60% dos entrevistados ajudam nas despesas de casa. O levantamento realizado em 2012 mostrou também que a maioria desses estudantes optam pelo EaD, pois ele oferece mensalidades mais baratas em relação ao sistema tradicional das faculdades.

Só em Santa Catarina mais de 50 mil alunos estão matriculados em 20 tipos de cursos de graduação a distância. No Brasil estima-se que mais de 2 milhões de brasileiros utilizam a nova ferramenta educacional para conseguir se formar no ensino superior. “São alunos que estavam desassistidos dos programas de apoio governamental. Por isso, estamos defendendo essa parcela de alunos, e sem dúvida de interesse da nossa sociedade, que precisa de mais profissionais formados, sendo que muitos deles só têm a oportunidade de cursar a modalidade a distância”, afirmou

Serviço:
Palhoça – SC
30/07 (terça-feira) às 19h
Fadesc Rua Aniceto Zacchi, 1109 - bairro Ponte do Imaruim

Fabio Lima
Assessoria de Imprensa - Deputado Carlos Chiodini - PMDB
48 – 3221-2720 / 48 – 9924-2644  / 48 - 9155-2727

Acompanhe Carlos Chiodini


Carlos Chiodini
Voltar