Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Acompanhe a programação pelo Youtube.


Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
25/04/2022 - 11h26min

Deputado propõe criação da Frente Parlamentar em Defesa do Serviço Público

Imprimir Enviar
Deputado Fabiano da Luz
FOTO: Bruno Collaço / AGÊNCIA AL

O deputado Fabiano da Luz (PT) fez um requerimento para a constituição da Frente Parlamentar em Defesa do Serviço Público, nesta semana. "O nosso objetivo é retomar a pauta de debates sobre o assunto e oferecer respaldo do Parlamento aos funcionários públicos. São trabalhadores que precisam do nosso apoio na luta pela garantia, manutenção e ampliação dos seus direitos e pela melhora das condições de trabalho, assegurando a prestação de serviços de qualidade à comunidade", declarou o deputado Fabiano. 

O lançamento da Frente Parlamentar em Defesa do Serviço Público deve ocorrer nas próximas semanas em ato presencial na Alesc. A proposta atende ao pedido de cerca de 30 entidades sindicais. "No Brasil, acompanhamos as reformas que vêm sendo realizadas e que até o momento prejudicam e destroem os direitos dos trabalhadores. Em Santa Catarina e no Parlamento Catarinense precisamos ouvir as vozes de todos os servidores que através de seus sindicatos clamam por melhorias nas condições de trabalho para que possam prestar um serviço público de excelência e qualidade", argumenta o deputado, no texto do requerimento.

A Frente Parlamentar em Defesa do Serviço Público visa implementar "políticas públicas que possam fortalecer o serviço público, gerar mais renda, emprego, combatendo as desigualdades sociais e regionais que ainda são um retrato real de diversas regiões catarinenses".

No requerimento, Fabiano recordou que o governo catarinense, ao longo de sua história, constituiu empresas públicas que se tornaram indispensáveis, como a Celesc, Ceasa, Cepa, Ciasc, Casan, Cidasc, Epagri.

"As empresas e os servidores públicos prestam relevantes serviços para os catarinenses e cumprem importante papel no desenvolvimento econômico e social catarinense. Para garantir um serviço público de qualidade é preciso que tenhamos empresas públicas fortes e servidores públicos reconhecidos e valorizados."

Entidades que solicitaram a criação da Frente Parlamentar:

  1. Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina - Sinjusc;
  2. Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Santa Catarina - Sinte – SC;
  3. Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Estadual de Santa Catarina – Sintespe;
  4. Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Federal - Sintrafesc;
  5. Sindicato Nacional dos Analistas -Tributários da Receita Federal do Brasil - Sindireceita;
  6. Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Criciúma e Região - Siserp CRR/CUT;
  7. Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal – Confetam/CUT;
  8. Sindicato dos Trabalhadores no Poder Judiciário Federal no Estado de Santa Catarina – Sintrajusc;
  9. Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de São José – Sintram/SJ;
  10. Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação de Universidades Federais – Sindtae/UFFS;
  11. Núcleo de Santa Catarina do Sindicato Nacional das trabalhadoras e trabalhadores do IBGE – Assibge/SC;
  12. Sindicato dos Servidores da Alesc – Sindalesc;
  13. Sindicato Nacional dos Auditores - Fiscais da Receita Federal do Brasil - Sindifisco - DS FNS;
  14. Sindicato dos Servidores Técnicos Administrativos e Docentes do Instituto Federal de Santa Catarina – Sinasefe – IFSC;
  15. Seção Sindical do Instituto Federal Catarinense – Litoral do Vale do Itajaí - Sinasefe Litoral;
  16. Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Santa Catarina - SIMPE/SC;
  17. Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Forquilhinha e Região – Sinserf – FRR;
  18. Sindicato dos Trabalhadores na Saúde em Santa Catarina - Sindsaude/SC ;
  19. Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Assessoramento, Perícia, Pesquisa e Informações de Santa Catarina – Sindaspisc;
  20. Sindicato dos Petroleiros do Paraná e Santa Catarina - Sindipetro PR/SC;
  21. Federação Única dos Petroleiros – FUP;
  22. Sindicato dos Auditores Fiscais de Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina – Sindicontas/SC;
  23. Sindicato do/as Trabalhadores/as em Água, Esgoto e Meio Ambiente de SC – Sintae-ma/SC;
  24. Sindicato dos Trabalhadores Eletricitários do Vale do Itajai – Sintevi;
  25. Sindicato dos Administradores do Estado de Santa Catarina – Saesc;
  26. Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Energia Elétrica do Sul do Estado de Santa Catarina – Sintresc;
  27. Sindicato dos Eletricitários do Norte de Santa Catarina – Sindinorte;
  28. Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Energia Elétrica de Florianópolis – Sinergia;
  29. Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Energia Elétrica de Lages – Stieel.

Assessoria de Comunicação
Telefone/WhatsApp: (48) 98823-0043
www.fabianodaluz.com.br

Acompanhe Fabiano da Luz


Fabiano da Luz
Voltar