Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
19:00 Sessão Especial
Ao vivo

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
12/06/2018 - 17h24min

7ª Mostra do Vinho terá circuito turístico em comunidade de Tangará

Imprimir Enviar
Sangria do barril marcou o ato de lançamento da Mostra do Vinho Catarinense, que será em julho em Tangará
FOTO: Fábio Queiroz/Agência AL

A criação de um circuito turístico está entre as novidades da 7ª Mostra do Vinho Catarinense, lançada oficialmente na tarde desta terça-feira (12) no hall da Assembleia Legislativa de Santa Catarina. O ato, marcado pela sangria do barril e pela degustação de vinhos, também abriu as festividades do Dia do Vinho no Estado (Lei 14.711/2009), comemorado no primeiro domingo do mês de junho. Produtores de vinho de todo o estado participaram do evento, acompanhados dos prefeitos de Pinheiro Preto e Videira, além do deputado Natalino Lázare (PODE).

A mostra deste ano será nos dias 21 e 22 de julho, em Tangará, no Meio-Oeste, considerada a maior produtora de uva do estado, com uma safra de 10 mil toneladas. De acordo com o prefeito Nadir Baú da Silva, 55% da economia do município está ligada ao agronegócio.

“Grande parte disso é resultado da uva e de seus derivados”, afirma o prefeito. “E nós temos um potencial muito grande a explorar, porque os cantineiros, em função do suco, importam uva gaúcha. Se nosso produtor continuar investindo, a produção dele tem venda garantida.”

Neste ano, uma das novidades é a criação de um circuito turístico, chamado de Circuito de Caravaggio, comunidade situada em Tangará. Conforme a coordenadora de eventos culturais da mostra, Marcia Palei, o objetivo é estimular o turismo ligado à produção de uvas e vinhos no município. “Num circuito de 25 quilômetros, haverá turismo de contemplação, gastronômico, degustação de vinhos, religioso e prática de esportes radicais”, explicou.

A programação deste inclui também mostra oficinas de degustação, atividades culturais e concursos gastronômicos. Os eventos são promovidos pela Prefeitura de Tangará, com apoio das prefeituras de Videira e de Pinheiro Preto, Sindivinho, Cresol e Gabinete do deputado Padre Pedro Baldissera (PT). Conforme o parlamentar, além de resgatar a cultura da produção de vinho, a mostra dá visibilidade à produção catarinense da bebida.

“É uma cultura que é desenvolvida por muitas mãos de agricultoras e agricultores familiares de todo o estado”, lembrou o deputado, que é autor do projeto que criou o Dia do Vinho em Santa Catarina, em 2009, e motivou a criação da mostra.

O deputado também destacou outras ações de incentivo à produção catarinense, como a inclusão do suco de uva na merenda escolar, fruto de um projeto de lei de sua autoria, e da proposta de inclusão dos vitivinicultores coloniais e artesanais no rol de microprodutores primários, aprovada em 1º turno na Alesc.

Marcelo Espinoza
Agência AL

Voltar