Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Acompanhe a programação pelo Youtube.


Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
17/04/2019 - 21h05min

Marlene acompanha apresentação de estudo aeroviário de SC

Imprimir Enviar
FOTO: Divulgação

A deputada Marlene Fengler (PSD) participou nesta quarta-feira (17) da reunião conjunta do Conselho Estratégico para Infraestrutura e da Câmara de Assuntos de Transporte e Logística da Fiesc e acompanhou a apresentação do plano aeroviário de Santa Catarina para este ano, que baliza todas as ações do Estado para o setor. O encontro foi realizado no show room do novo terminal de passageiros do aeroporto de Florianópolis. Após a reunião, os participantes realizaram visita guiada às obras. Durante a explanação, técnicos e dirigentes da Fiesc defenderam a atualização do plano aeroviário estadual e sugeriram que sejam priorizados investimentos nos aeroportos de Chapecó, Caçador, Correia Pinto, Jaguaruna, Florianópolis, Navegantes e Joinville com linhas regulares.

Além de conhecer a nova estrutura, a parlamentar quis detalhes sobre o funcionamento do terminal, que hoje representa a principal alternativa de conexão aérea de Santa Catarina com o resto do país. Em relação a essa questão, o CEO da Floripa Airport, Tobias Market, disse que o terminal atual movimenta 4 milhões de passageiros por ano e que o novo aeroporto poderá atender 8 milhões de passageiros. Mas alertou sobre a necessidade de se repensar a questão da infraestrutura, elencando alguns itens como fornecimento de água, energia e diversidade de meios de transporte, por exemplo. Segundo Market as companhias aéreas não voam para um aeroporto e sim para um mercado. E por isso, no entendimento dele, é preciso conectar o produto turístico com o atendimento em infraestrutura.  

Marlene também manifestou preocupação com os prazos de entrega da obra e do acesso ao novo terminal. Market garantiu que as obras do novo aeroporto estarão concluídas em 75 dias e que depois ainda haverá um prazo de dois meses para testes e para que lojas e restaurantes se instalem, até a inauguração em 1º de outubro. "Espero que até essa data o governo entregue a obra de acesso ao terminal, como o planejado anteriormente e conforme o que havia acordado com a empresa", ressaltou a parlamentar, lembrando que se isso não ocorrer os passageiros serão prejudicados, pois terão que usar a SC-405 para acessar o terminal, aumentando o percurso e o tempo de deslocamento.

Acompanhe Marlene Fengler


Marlene Fengler
Voltar