Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Serviço temporariamente em manutenção.
Acompanhe a programação da TVAL pelo Youtube.


Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
07/12/2021 - 18h12min

Ivan Naatz explica corte e remanejamento de recursos de rodovias federais de SC

Imprimir Enviar
Deputado Naatz exibiu vídeo em plenário sobre reunião entre senador Jorginho Mello e ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas
FOTO: Jeferson Baldo/Agência AL

O deputado e líder da bancada do PL na Assembleia Legislativa, Ivan Naatz, reafirmou em plenário, nesta terça-feira (7), os esclarecimentos obtidos pelo senador Jorginho Mello (PL) junto ao ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, em Brasília, sobre as notícias veiculadas em relação a supostos cortes de recursos da ordem de R$ 40 milhões previstos para obras nas rodovias federais catarinenses, principalmente no orçamento da duplicação da BR-470 e recuperação da BR-163.

Ivan Naatz exibiu vídeo de reunião entre o senador catarinense e o ministro da infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, enfatizando que, na verdade, o que houve foi um remanejamento e readequação orçamentária dos recursos para manutenção de rodovias, já que para a construção os projetos já dispõem de recursos suficientes para 2021.  “É uma atividade extremamente normal para que a gente tenha uma otimização do orçamento que foi disponibilizado para o ano e para que não vire o ano com muita sobra de recurso”.

"E aí nós vamos tocar a manutenção, inclusive de Santa Catarina. E ano que vem, assim que o orçamento estiver disponível, nós vamos recompor os recursos. É algo extremamente natural e quem conhece de orçamento está acostumado com esse movimento", destacou o ministro no vídeo.

Mesmo com os esclarecimentos, o deputado Ivan Naatz reiterou que continuará acompanhando a situação junto ao governo e ao gabinete do senador Jorginho Mello, bem como com a bancada federal, em Brasília ,para que o Estado efetivamente não seja prejudicado na redução de recursos para rodovias em 2022. “A resposta imediata do senador foi importante para tranquilizar a sociedade catarinense que contribui com grande parcela de tributos para o governo federal”, resumiu Naatz.

Comunicação Gabinete
 

Acompanhe Ivan Naatz


Ivan Naatz
Voltar