Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Acompanhe a programação pelo Youtube.


Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
15/12/2021 - 15h08min

Moção de aplauso destacou escola de Urussanga que completou 80 anos

Imprimir Enviar
Deputado Ismael dos Santos, dirigentes e alunos da escola
FOTO: Bruno Collaço / AGÊNCIA AL

A Escola de educação Básica Barão do Rio Branco, de Urussanga, que completou, no dia 9 de novembro, 80 anos de atividades, foi homenageada na tarde desta quarta-feira (15) com uma moção de aplauso pela Assembleia Legislativa. O autor foi o deputado Ismael dos Santos (PSD).

Com mais de 600 estudantes, na faixa etária de 6 a 18 anos, a escola foi criada em 1941 em substituição ao extinto grupo escolar Tibúrcio de Freitas, que ficava na casa do Monsenhor, localizada nas proximidades da Igreja Matriz Nossa Senhora da Conceição. Inúmeros estudantes, professores, diretores e funcionários participaram da história da Escola Barão do Rio Branco, referência em educação para região.

Participaram da solenidade a diretora, Simone das Graças Nogueira Feltrin, a assessora de direção, Bruna de Fátima Goulart Miot, a professora Regina Joana Figueiredo, a aluna do conselho da Escola, Vivian Cypriano Alves, e a estudante do ensino médio, Marina Menegazzi Barbosa, que agradeceu a homenagem em nome dos alunos da instituição.

A diretora destacou a importância da homenagem. “É um reconhecimento fundamental para a história da Escola Barão do Rio Branco. São 80 anos transformando vidas, educando gerações, estudantes de nossa escola já chegaram até aqui a Assembleia Legislativa, foram deputados. Então, mostra o compromisso da nossa escola. É importante formar cidadãos, hoje em todos espaços, é um reconhecimento para nossa escola, comunidade, pais, professores e para Urussanga.”

Ismael dos Santos enfatizou que cabe ao Parlamento catarinense, além de legislar e fiscalizar, de conectar as ações do governo com os municípios, também o reconhecimento a instituições como a Escola Barão do Rio Branco. “É uma história de 80 anos formando cidadãos gabaritados, inclusive pelo menos dois deles, pelo que tenho ciência, passaram por esta Casa e quando estive no município e vi a homenagem que a Câmara de Vereadores prestou ao Barão, imediatamente me sensibilizei para trazer esses aplausos para o Parlamento catarinense. É uma honra dignificar o trabalho desta escola.”

Ney Bueno
Agência AL

Voltar