Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Acompanhe a programação pelo Youtube.


Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
20/09/2022 - 13h13min

Alesc busca solução junto ao governo para falta de salas de aula em Itapoá

Imprimir Enviar
Deputado Maurício Eskudlark recebe comitiva de Itapoá
FOTO: Solon Soares/Agência AL

Uma delegação de Itapoá esteve na manhã desta terça-feira (20) na Assembleia Legislativa para pedir apoio para a ampliação da estrutura de ensino público no município, localizado no litoral norte do estado. O grupo, liderado pelo prefeito Marlon Neuber (PL), foi recepcionado pelo presidente em exercício da Assembleia Legislativa, deputado Maurício Eskudlark (PL).

Na ocasião, Neuber afirmou que a Escola de Ensino Básico Nereu Ramos, que atende o município, está com sua capacidade esgotada e para o ano de 2023 já se projeta a necessidade de construção de mais seis salas de aula na unidade.

Outra demanda apresentada pelo gestor foi a construção, pelo governo do Estado, de uma escola de Ensino Médio em Itapoá para dar seguimento à realização do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). “Nesse momento Itapoá está com dificuldades de fazer novas políticas para  os adultos que ainda não concluíram seus estudos. Estes estudantes, quando encerram o Encceja, no Ensino Fundamental, não estão conseguindo seguir para o Ensino Médio pela absoluta falta de espaço físico no atual colégio estadual.”

Conforme Maurício Eskudlark, a questão já foi levada ao governador do Estado em exercício, Moacir Sopelsa (MDB), que se manifestou positivamente sobre os pleitos. Na tratativa, ficou acertado que para o próximo ano serão viabilizadas salas modulares, ou aluguel de novos espaços, e, a longo prazo, a construção de uma nova unidade para o Ensino Médio. “O governador foi muito prestativo, de imediato falou com o secretário da Educação, que junto com o prefeito vão construir uma solução temporária para o próximo ano e já começar a trabalhar o projeto de uma nova escola para o município.”

 

Alexandre Back
Agência AL

Voltar