Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Whatsapp Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Sala de Imprensa


Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
11/09/2020 - 15h57min

Nesta semana estreia “Anauê” no Cine Catarina

Imprimir Enviar

Na segunda semana do “Cine Catarina” a TVAL continua com a exibição dos filmes documentários vencedores do primeiro edital da Alesc de audiovisuais sobre história e cultura de Santa Catarina. O lançamento desta sexta-feira (11) é “Anauê” do diretor Zeca Pires.

Nesse primeiro momento estão sendo exibidos os filmes vencedores do primeiro Lote do concurso. Ao todo, dez filmes documentários serão veiculados semanalmente na grade da emissora, com reprises ao longo da programação. As obras podem ser assistidas nos canais abertos e a cabo da TVAL (confira a tabela abaixo) e também no Youtube no canal da Assembleia Legislativa (youtube.com/assembleiasc).

Confira a partir das 21h a estreia desta semana!

Anauê
Produtora: Mundo Imaginário Produções Cinematográficas Ltda.
Estreia: 11/09. às 21h.

Sinopse: O estado de Santa Catarina foi colonizado em parte pelas etnias germânica e pomerana, que se localizaram na região do Vale do Itajaí. Uma animosidade, às vezes sutil, aconteceu entre os germânicos e os portugueses que colonizaram parte do litoral catarinense. Mas é com a Segunda Grande Guerra Mundial que todas essas diferenças vêm à tona na região, promovidas pela “Nacionalização” que, a partir de então, impõe aos descendentes, sobretudo os de origem alemã, um rigoroso regime de combate às ideias nazistas e integralistas que tendiam a se fortalecer naquele período histórico. O filme “Anauê” traz à tona, por intermédio de depoimentos de acadêmicos, populares e militares, a discussão do que de fato aconteceu na região de Blumenau antes, durante e no pós-guerra. Porém, ao discutir o passado da região de Blumenau, um assunto ainda mais pulsante se sobrepõe: a ideologia reacionária que se fortalece no momento atual no Brasil e no Mundo. “Anauê” é resultado de vários anos de viagens e pesquisas em acervos de cidades do Vale do Itajaí e Vale do Itapocu, região de forte colonização alemã. O tema central são os movimentos Integralista e Nazista em Santa Catarina antes, durante e pós Segunda Guerra Mundial.

 

A partir da póxima semana entram em cartaz:

  • Descaminhos da “Coxilha Rica”
    Produtora: B7 Filmes
    Estreia: 18/9, às 21h.
  • É Bucha
    Produtora: Vinil Filmes
    Estreia: 25/9, às 21h.
  • Pegadas Salgadas
    Produtora: Scult Produtora de Audiovisual e Jornalismo
    Estreia: 2/10, às 21h.
  • Retratos de Santa Catarina: Litoral e Vale do Itajaí
    Produtora: DV3
    Estreia: 9/10, às 21h.
  • Celibato no Campo
    Produtora: Margot Filmes Ltda.
    Estreia: 16/10, às 21h.
  • Dom Quixote das Artes
    Produtora: Margot Filmes Ltda.
    Estreia: 23/10, às 21h.
  • Terra Cabocla
    Produtora: Realizart Produções Audiovisuais Ltda.
    Estreia: 30/10, às 21h.
  • Vale Tombado
    Produtora: GA Moretti Produções Culturais Eireli
    Estreia: 06/11, às 21h.

Edital inédito no Parlamento catarinense

Publicado em maio de 2019 o edital teve um total de 44 obras pré-selecionadas que foram avaliadas por uma comissão julgadora, formada pela jornalista Gicieli Dalpiaz, coordenadora da TVAL; pela professora Aglair Bernardo, ex-coordenadora do Curso de Graduação em Cinema da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC); e pela professora Mara Lúcia Salla, coordenadora do Curso de Graduação em Cinema da Unisul.

A Seleção Concurso TVAL de Audiovisuais Catarinenses é uma iniciativa inédita no Parlamento estadual e marca os 20 anos de fundação da TVAL, celebrados em 2019. O objetivo é diversificar a programação da emissora e valorizar a produção audiovisual catarinense com obras do gênero documentário e que possuam narrativas que abordam a realidade histórica e cultural catarinense.

Participaram da seleção produtoras independentes de audiovisual, domiciliadas ou estabelecidas em Santa Catarina por pelo menos dois anos. Além disso, as produtoras tiveram que apresentar registro aprovado e com classificação de agente econômico brasileiro independente no Sistema Ancine Digital (SAD).

Assembleia repassou R$ 221 mil em prêmios

Visando incentivar tais produções, a Assembleia Legislativa premiou com R$ 25 mil as séries e R$ 8 mil os filmes selecionados, totalizando R$ 221 mil. As séries têm no mínimo quatro episódios com duração entre 30 e 59 minutos, enquanto os filmes são do gênero documentário de um único episódio com duração entre 50 e 120 minutos.

Saiba onde sintonizar e assista

Município Polo Operadora Canal Sistema de transmissão Cidades Atendidas
Araranguá TVC 16 SD Araranguá
Criciúma NET 16 SD Criciúma
Tubarão TVC 16 SD Tubarão e São José
São José NET
TVC
CANAL ABERTO
16
16
10.3
SD
SD
HD
São José, Florianópolis, Biguaçu e Palhoça
Florianópolis CANAL ABERTO 11.3 HD Florianópolis
Florianópolis UNIFIQUE 99 HD Fibra Óptica / Timbó
Balneário Camboriú NET
CCS
16
20
SD Balneário Camboriú, Blumenau, Itajaí, Brusque, Itapema, Navegantes, Luiz Alves e Camboriú
Joinville NET 16 SD Joinville
Lages UNIFIQUE 99 HD Lages
Canoinhas UNIFIQUE 99 HD Canoinhas e Três Barras
Chapecó NET
UNIFIQUE
16
99
SD Chapecó
Joaçaba UNIFIQUE 16 SD Joaçaba e Luzerna
Jaraguá do Sul UNIFIQUE 99 HD Jaraguá do Sul
São Bento do Sul UNIFIQUE 99 HD São Bento
Rio Negrinho UNIFIQUE 99 HD Rio Negrinho e São Bento
Itajaí NET 10 SD Itajaí
Timbó UNIFIQUE 99 HD Timbó
Blumenau NET
UNIFIQUE
16
99
SD
HD
Blumenau e Gaspar
Rio do Sul UNIFIQUE 99 HD Rio Do Sul
  • SD*: STANDARD DEFINITION (BAIXA QUALIDADE) HD**: HIGH DEFINITION (ALTA QUALIDADE)
Voltar