Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ouvir
00:05 Programação Musical

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
13/11/2017 - 14h16min

Exposição “Meu mundo”, de Digo Cardoso, traz 17 obras inspiradas na cultura urbana

Imprimir Enviar

FOTO: Karina Ferreira/Agência AL

Até o dia 24 de novembro, a Galeria de Arte Ernesto Meyer Filho, na Assembleia Legislativa, expõe trabalhos do artista Digo Cardoso. Com o título “Meu mundo”, a exposição do jovem de 30 anos, nascido em Chapecó, foi uma proposição do deputado João Amin (PP) e apresenta 17 obras inspiradas na cultura urbana. 

Digo começou seus estudos com ilustrações aos 14 anos de idade, mas só aos 22 anos, através do incentivo de um amigo, o artista passou a pensar em seus trabalhos com um olhar diferente. “A base do meu trabalho é o grafite de rua, mas a ideia aqui é fazer um aglomerado de trabalhos com outras bases, outras técnicas. Mesmo sendo o que eu mais trabalho, gosto de estudar outros materiais, além do grafite.”

Tendo como foco tudo aquilo que é relacionado à cultura de rua, Digo vê no cotidiano ao ar livre suas maiores inspirações. Com técnicas que vão além do spray em muros, o artista está sempre em busca de novas formas de criação: “Eu procuro sempre estar estudando e experimentando novas bases, madeira, vidro, pra não cair no comum”.

Considerado o pioneiro da “street art” – arte das ruas na tradução literal - em Chapecó, Digo encara tal rótulo como uma grande responsabilidade: “Em Chapecó não tinha grafite, só eu e mais uma molecada que está recém começando. Então, pra não ficar sempre a mesma coisa, eu me vejo com a responsabilidade de buscar outras linguagens pra levar pra gurizada e eles também terem acesso a outras técnicas”.

Com passagens por São Paulo, Rio Grande do Sul, Londres, na Inglaterra e, recentemente, por Medellín, na Colômbia, a exposição “Meu mundo” conta com 17 obras do artista. Na Assembleia Legislativa a visitação fica aberta ao público até o dia 24 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h.

“É uma oportunidade muito grande ter meu trabalho exposto aqui na Assembleia. Eu não estou só tirando o meu trabalho da cidade onde eu moro, mas também estou expondo para um público diferente do que estou acostumado a cruzar no dia a dia. Então é bem legal ter seu trabalho se expandindo para novos públicos e olhares. Eu fico bastante curioso para saber o que eles vão achar, o olhar desse público mais sério”, comemorou o artista.

 

Com a colaboração de Carolina Lopes/Agência AL

Voltar