Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
00:30
Ao vivo

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
06/07/2018 - 09h53min

Deputados jovens sugerem que TRE informe passado criminal de candidatos

Imprimir Enviar
Jovens deputados realizaram a sessão ordinária com todos os seus ritos originais

Os deputados jovens aprovaram Moção ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/SC) para que disponibilize no portal da justiça eleitoral informações sobre os antecedentes criminais dos candidatos às eleições de outubro. A votação ocorreu durante a sessão ordinária da 24ª edição do Parlamento Jovem, realizada na noite de quinta-feira (5), na Assembleia Legislativa.

“É de interesse de todos os cidadãos o combate à corrupção e o conhecimento da história correta dos candidatos, assim haverá mais transparência na eleição”, sustentou a deputada Evelin Nátali de Matias, aluna do Colégio Adventista, de Florianópolis.

Também foram aprovadas duas emendas à Constituição do Estado: a primeira sugerindo a implantação de programa de orientação educacional nas escolas, proposta pelos deputados da EEB Paulo Blasi, de Campos Novos; e a segunda, de autoria dos parlamentares da EEB Djalma Bento, de Rio Rufino, determinando que a contratação de professor substituto fique condicionada à habilitação específica da disciplina a ser lecionada.

“Propomos uma semana vocacional nas escolas, para saber a área de estudo que o estudante irá desenvolver. Com 17 anos é difícil saber com certeza a profissão que se vai exercer”, ponderou o deputado Gabriel Henrique Carvalho, de Campos Novos.

“A falta de conteúdo dos professores substitutos prejudica os alunos e os professores que trabalham com conteúdos interdisciplinares”, afirmou Alessandro de Souza Santos, de Rio Rufino, acrescentando que a exigência promoveria a qualificação dos mestres.

“Precisamos de professores aptos, não queremos alguém que nos prejudique”, reforçou a deputada Eduarda Alexandre dos Santos, representante da EEB Colombo Machado Salles, de Três Barras, no Planalto Norte.

“O projeto é um incentivo para que os professores se formem, já o governo terá o papel de abrir as portas para a formação dos professores”, declarou Vinícius Olegário, representante de Rio Rufino.

 

Dia da Coluna Prestes

Os deputados jovens da EEB de Itajubá, de Descanso, no Extremo-Oeste, apresentaram projeto de lei, que foi aprovado, instituindo o dia dedicado à memória da Coluna Prestes, a ser comemorado anualmente em 2 de fevereiro.

“(Os membros da coluna) eram militares insatisfeitos com a situação do país na República Velha, eles combatiam as fraudes eleitorais e defendiam o ensino fundamental obrigatório”, justificou a deputada Francieli Ciqueira, que lembrou que Luiz Carlos Prestes determinou à coluna que parasse para descansar no local onde hoje está localizada a sede do município de Descanso.

 

Hortas escolares e preservação de nascentes

Os representantes de Rio Rufino apresentaram - e o plenário aprovou - projetos de leis que criam a semana da horta escolar, com início em 17 de outubro, data em que se celebra o dia mundial da agricultura; e o dia de preservação das nascentes, a ser comemorado em 4 de junho.

De acordo com os deputados da EEB Djalma Bento, o dia de conscientização das nascentes visa conscientizar e incentivar os catarinenses a participar de ações de preservação das nascentes dos rios.

 

Versão online de livros e salas de informática

Os representantes da EEB Tiradentes, de Porto Belo, indicaram ao Executivo a criação de um website com as versões online dos livros didáticos. De acordo com os parlamentares, o website, além de disponibilizar os livros, poderia abrigar vídeos e dicas dos professores.

Já os deputados de Três Barras sugeriram ao Governo do Estado que reative as salas de informática, com a aquisição de equipamentos atualizados e com internet de banda larga nas escolas estaduais.

 

Programa de sucesso

O programa Parlamento Jovem Catarinense é uma iniciativa da Escola do Legislativo Deputado Lício Mauro da Silveira, entidade voltada à educação política e mantida pela Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina.

 

Deputados jovens da EEB Paulo Blasi, de Campos Novos

Bethina Rigo Lemos

Gabriel Nohatto Hahmeyer

Gabriel Henrique Carvalho

João Hercílio Muller Moreira dos Santos

Rafael Celso Felipe

 

Deputados jovens da EEB De Itajubá, de Descanso

Daniel de Oliveira Lopes

Dailson Benincá

Francieli Ciqueira

Nailton Henicka de Almeida

Gisele Rech Durigon

 

Deputados jovens do Colégio Adventista de Florianópolis

Evelin Nátali de Matias

Gustavo Silva Coutinho

Isadora Gonçalves Ramos

João Guilherme de Menezes

Mara Cláudia Colatto da Costa

 

Deputados da EEB Engenheiro Annes Gualberto, de Imbituba

Isabela Farias de Couto

Nicole Fermino Martins

Helena Vasconcellos Silveira

Nathalia Carpes Figueiredo

Willian Pedro da Silva

 

Deputados jovens do Colégio Machado de Assis, de Joinville

Gustavo Eduardo de Souza

Mariana Kopsch

Leonardo Gabriel da Silva Schultz

Luiz Guilherme Fedumenti Dobrychtop

Nicolas Jucá de Lima

 

Deputados jovens da EEB Tiradentes, de Porto Belo

Carlos Guilherme Moreira

Ulisses Roque Lavratti Junior

Marcos Paulo Andrade de Souza

Marrony Vilson da Silva

Sabrina Gomes

 

Deputados jovens da EEB Professor Djalma Bento, de Rio Rufino

Alessandro de Souza Santos

Edenilson Pickler Costa

Fabrício de Souza

Melquisa de Oliveira

Vinicius Olegário

 

Deputados jovens da EEB Colombo Machado Sales, de Três Barras

Bruna Alves de Lima

Nicole Martins

Eduardo Alexandre dos Santos

Iohan Eduardo Voigt

Jhenyffer Lohana Cordeiro Matias

Vítor Santos
Agência AL

Voltar