Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Serviço temporariamente em manutenção.
Acompanhe a programação da TVAL pelo Youtube.


Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
17/09/2021 - 15h37min

Sopelsa propõe criação da Frente Parlamentar da Apicultura e Meliponicultura

Imprimir Enviar
Deputado Moacir Sopelsa

O deputado Moacir Sopelsa (MDB) protocolou um requerimento na Assembleia Legislativa propondo a criação da Frente Parlamentar da Apicultura e Meliponicultura para discutir, estudar, debater, apoiar, encaminhar ações, sugestões de mudanças e enfrentamentos dos desafios e das demandas, além de auxiliar aos criadores de abelhas espalhados por Santa Catarina, tendo em vista a adoção de políticas públicas e soluções em defesa da Cadeia Produtiva no Estado, defendendo os interesses coletivos que estejam em consonância com a produção e qualidade de mel.

O parlamentar destaca que “a qualidade do mel de Santa Catarina é reconhecida mundialmente. Para além do mel, as abelhas têm uma importância ainda maior. Se nós conseguimos fazer a alta produtividade que temos na produção de soja, milho, maçã e outras frutas, sempre precisamos lembrar que são as abelhas que carregam o pólen e nos ajudam nesta produção”.

As abelhas são responsáveis pela polinização de 42% das 57 espécies vegetais mais plantadas no mundo. A polinização impacta na quantidade e na qualidade dos produtos agrícolas. Para se ter uma ideia, das plantas cultivadas no Brasil, mais de 60% dependem da polinização animal.

Santa Catarina destaca-se no cenário nacional na produção e qualidade de mel, contribuindo para a formação da renda das famílias através de venda dos produtos oriundo das colmeias, aumentando a produtividade das culturas agrícolas, e ao mesmo tempo mantendo o equilíbrio ecológico. Em solo catarinense a Federação das Associações de Apicultores e Meliponicultores de SC (Faasc) reúne  62 associações de produtores. Santa Catarina coleciona cinco títulos como Estado produtor do melhor mel do mundo.

“Entendendo a relevância do setor estamos propondo a constituição desta Frente Parlamentar que poderá entregar à sociedade, aos produtores e demais atores envolvidos com a cadeia produtiva, um espaço importante para os debates, à adoção de medidas para o enfrentamento das demandas e desafios atuais”, explica Sopelsa.

Em seu caminho a Frente Parlamentar da Apicultura e Meliponicultura vai ter pela pela frente, entre outros desafios, o aumento da produtividade média do mel, diminuir a taxa de mortalidade anual das colméias, manter a apicultura livre de uso de produtos sintéticos no controle de pragas e doenças, facilitação do acesso às políticas públicas, a melhoria da logística e da assistência tecnológica aos apicultores e meliponicultores catarinenses, a garantia e viabilização de acesso mais rápido ao crédito, a valorização e o investimento na qualidade do mel, a promoção da inclusão econômica dos jovens rurais, o fortalecimento do associativismo contribuindo na melhoria da qualidade de vida dos produtores e consumidores, a melhoria na qualidade genética dos aviários, a promoção da conscientização sobre a importância das abelhas na manutenção dos ecossistemas e da biodiversidade, dentre outras pautas.


Douglas Leandro Fortes
Assessor de Imprensa deputado Sopelsa

 

Acompanhe Moacir Sopelsa


Moacir Sopelsa
Voltar