Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
15:30
Ao vivo

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
16/05/2017 - 14h00min

Santa Catarina completa 24 anos sem registro de foco de febre aftosa

Imprimir Enviar

Na tarde desta terça-feira (16) o deputado Altair Silva (PP) destacou na tribuna da Assembleia Legislativa a celebração dos 24 anos que o Estado completa sem registros de foco de febre aftosa, sendo o único estado brasileiro reconhecido há 10 anos pela Organização Mundial de Saúde Animal como Zona Livre de Aftosa Sem Vacinação. Com uma produção de proteína animal seguindo os mais rígidos controles de qualidade Santa Catarina conquista novos mercados a cada ano, apontando perspectivas positivas para 2017.
Uma missão da Coreia do Sul visita o Brasil nesta semana e novos mercados podem ser abrir para o agronegócio catarinense. Conforme o deputado Altair Silva (PP), a carne de Santa Catarina é forte. “Com o reconhecimento recebido os mais exigentes mercados foram conquistados e a nossa carne é aceita mundo afora. É um trabalho que tem o mérito da assistência técnica, das empresas do estado e principalmente dos produtores rurais, que apostaram na técnica e nos cuidados sanitários para conquistar esses novos mercados”, destaca.
O agronegócio também foi pauta de reuniões realizadas durante a manhã desta terça-feira com o superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Gilmar Zanluchi, e com o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Faesc), José Zeferino Pedrozo. As entidades estão vendo com bons olhos o mercado catarinense, que em virtude da Operação Carne Fraca apresentou queda de 18% nas exportações de frangos e suínos em abril.

Voltar