Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ao vivo

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
21/03/2018 - 16h33min

Projeto isenta doadores de pagamento da taxa do vestibular

Imprimir Enviar
Deputado Serafim Venzon
FOTO: Solon Soares/Agência AL

Objetivo é estimular a doação de sangue e medula óssea

O deputado Serafim Venzon (PSDB) apresentou um projeto de lei que isenta do pagamento de taxa de inscrição em vestibulares doadores de sangue e medula óssea. Atualmente já existe um projeto neste sentindo, mas é válido somente em concursos públicos. Com a extensão da lei, a ideia é estimular as doações entre jovens.

De acordo com levantamento do governo federal, no Brasil 1,8% da população doa sangue, número que pode aumentar. A meta da Organização Mundial da Saúde (OMS) é que 3% da população seja doadora. “Cada doação de sangue pode salvar a vida de até quatro pessoas. O objetivo do projeto é estimular a doação desde cedo”, afirma Venzon.

O número de doadores de medula óssea também tem aumentado no Brasil. No ano passado, eram quase quatro milhões de doadores no país. O número parece grande, mas teria que ser maior devido a variedade genética no Brasil. O grande desafio é encontrar um doador compatível. Para ser doador de medula, é preciso ter idade entre 15 e 55 anos, estar bem saúde e colher uma amostra de sangue. Quando ela é compatível com algum paciente, o doador é chamado.

O projeto de lei 68/2018 está em tramitação na Assembleia Legislativa e ainda precisa de aprovação em plenário para entrar em vigor.


Assessoria de Imprensa
Ana Maria Leal da Veiga
Deputado Serafim Venzon
(48) 9633-4105
(48) 3221.2717

Acompanhe Serafim Venzon


Serafim Venzon
Voltar