Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
12:01 Memória da Imprensa
Ao vivo

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
14/12/2018 - 11h38min

Pavan destaca curso de turismo em escola de Balneário Camboriú

Imprimir Enviar
Deputado Pavan, secretaria Simone Schramm e prefeito em exercício de B. Camboriú, Roberto Souza Junior, restigiaram o ato

Em funcionamento gradativo desde o inicio deste ano letivo de 2018, foi inaugurada oficialmente nesta quinta-feira (13) a Escola Estadual Higino Pio, localizada no Bairro das Nações, em Balneário Camboriú. Com capacidade para até 1.500 alunos, a escola já esta atendendo 750 estudantes e oferece o curso de ensino médio regular, além do pioneiro curso de Ensino Médio Profissionalizante na área de Turismo e Hospedagem, de iniciativa do deputado estadual Leonel Pavan (PSDB).

O ato contou com a presença da Secretária de Estado da Educação Simone Schramm;  do secretário regional da ADR de Itajai ; Fredolino Alfredo Bento; deputado estadual Leonel Pavan ; prefeito em exercício de Balneário Camboriú; presidente da Câmara Municipal Roberto Souza Júnior; além de vereadores, professores, alunos e representantes da comunidade.

Autor do pedido para ofertar o curso integrado de educação profissional voltado ao turismo via Assembléia Legislativa e junto ao Conselho Estadual de Educação, o deputado Leonel Pavan (PSDB) disse que se trata de um grande diferencial e que vai contribuir também para a qualificação do turismo local e  regional. Pavan também destacou que a obra é uma luta conjunta da comunidade envolvendo lideranças políticas, comunitárias, professores e alunos, salientado ainda a importância da denominação da escola, que homenageia o primeiro prefeito de Balneário Camboriu Higino Pio e que foi assassinado durante o regime militar.

Já a secretária de Estado da Educação, Simone Schramm, garantiu que, depois de problemas que houve com falta de equipamentos e mobiliário no inicio do ano letivo na escola, o educandário já esta recebendo a estrutura necessária para o funcionamento regular, incluindo lousas digitais e outros equipamentos de informática. Ao todo, são 18 salas de aula, laboratórios, ampla sala de professores com acesso a sacada, refeitório, cozinha, banheiros adaptados, pátio e área esportiva no terceiro pavimento com tatame e ginásio com arquibancadas.  

Assessoria Comunicação

Voltar