Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Ouvir
12:40 Programação Musical

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
12/12/2017 - 17h41min

Esperança para as famílias que aguardam doação de medula óssea

Imprimir Enviar
Deputado José Milton Scheffer
FOTO: Miriam Zomer/Agência AL

Encontrar um doador compatível de medula óssea não é fácil, e gera a angustia e o sofrimento de muitas famílias, uma vez que a possibilidade é pequena, principalmente quando o doador não aparentado. Em Santa Catarina essa é realidade para 63 pessoas que aguardam por um transplante, segundo dados do SC Transplantes.

Pensando na realidade destas famílias catarinenses e na necessidade de aumentar o número de doadores para ampliar a chance de encontrarem um doador compatível, foi aprovada por unanimidade, no Plenário da Assembleia Legislativa, a proposta do deputado Zé Milton (PP), de alteração da lei 10.567/97 que dispõe da isenção das taxas de inscrição de concursos públicas aos doadores de sangue para incluir os doadores de medula óssea, que é a única esperança de cura para milhares de portadores de leucemia e de outras doenças do sangue, na tarde desta terça-feira (12). 

“Nosso objetivo está em expandir de forma consistente o número de doadores, para que possamos diminuir o número de pessoas que aguardam o transplante. O projeto oferece mais uma alternativa para ampliar o cadastro e a captação de doadores de medula", defendeu Zé Milton.

Para Zé Milton a medida resultará num aumento significativo no número de cadastros de doadores e, assim, maior possibilidade de encontrar doadores compatíveis, já que segundo dados do Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome) as chances de o paciente encontrar um doador compatível são de 1 em cada 100 mil pessoas, em média. “Embora tenhamos o terceiro maior cadastro do mundo, com mais de 4 milhões de brasileiros doadores. Redome quer atingir até 250 mil novos doadores de medula óssea este ano. Isto demonstra a necessidade de mobilizarmos e incentivarmos as pessoas a doarem”, informou Zé Milton.

A proposta segue agora para sanção do Governador.

 

Fernando Silveira
Assessor de Comunicação da Liderança Progressista
(48) 3221.2878 - 9956.0983

Acompanhe José Milton Scheffer


José Milton Scheffer
Voltar