Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
00:15 Sessão Ordinária
Ouvir
00:05 Programação Musical

Revista Digital

Sala de Imprensa

+ Mais notícias

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
09/11/2016 - 16h07min

Mário cobra transparência de concessionárias de rodovias e do governo federal

Imprimir Enviar
Deputado Mário Marcondes
FOTO: Miriam Zomer/Agência AL

O deputado Mário Marcondes (PSDB) usou a tribuna da Assembleia, nesta terça-feira, 8, para questionar duramente a relação entre as concessionárias de rodovias federais em Santa Catarina e o poder público, especialmente a ANTT, vinculada à União.

Planilhas
O parlamentar não se conforma com o mistério que existe em torno das planilhas financeiras das concessionárias das BR’s 101 e 116. “Porque a sociedade não tem acesso, já que se trata de concessão pública? Qual o mistério? Quanto as concessionárias arrecadam de fato? E quanto tem aplicado no cumprimento dos contratos?,” dispara ele, salientando que a esmagadora maioria das obras relevantes ou está atrasada ou sequer saiu do papel. Falta transparência e ninguém sabe exatamente qual o critério para os aumentos concedidos nos pedágios. Em 12 anos, o valor mais que dobrou na BR-101.

Compensação
O deputado vai propor uma audiência pública para tentar dirimir as dúvidas. E vai exigir compensações. “Vamos atuar para que a Autopista construa dois elevados no túnel do Roçado, em São José, para desafogar o trânsito de boa parte da sociedade. Seria um pequena compensação pelos atrasos e pelas obras que ainda nem saíram do papel,” acrescenta ele.

Fabian Lemos
Jornalista profissional – DRT-SC 01187 JP
48 9830-9943

Acompanhe Mário Marcondes


Mário Marcondes
Voltar