Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
00:15 Sessões - Seminários - Eventos
Ao vivo

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
26/02/2019 - 17h24min

Deputado diz que secretário da Saúde tem conduta arrogante e prepotente

Imprimir Enviar
Deputado Fernando Krelling
FOTO: Fábio Queiroz/Agência AL

A falta de trato no exercício da função pública do secretário da Saúde Helton Zeferino mereceu severas críticas do deputado Fernando Krelling (MDB), em pronunciamento durante a sessão desta terça-feira (26). Ele classificou de “arrogante e prepotente” a conduta do responsável pela secretaria onde o deputado esteve pela manhã acompanhando o presidente e o gestor do Banco de Olhos de Joinville. A audiência foi marcada com antecedência e o objetivo era a obtenção de um convênio em apoio à entidade que não tem fins lucrativos e atua fortemente em favor da saúde da população. “Acordamos todos de madrugada para chegarmos a tempo. Viajamos desde nossa cidade e não esperávamos tanta falta de traquejo e má vontade em lidar com as pessoas”.

Krelling já sabia que outros deputados também tinham sido mal recebidos pelo titular da pasta da Saúde do governo estadual. Logo foi recebendo manifestações solidárias de outros deputados: Maurício Eskudlark (PR) e Jerry Comper (MDB) também relataram situações envolvendo falta de respeito do secretário com parlamentares, prefeitos e assessores legislativos. O líder do governo, Coronel Mocelin (PSL), tentou defender Zeferino lembrando que seu temperamento é “fechado”. Mas Krelling respondeu de pronto: “Há um ditado que diz, se não aguenta, porque veio?”. E lembrou o passado militar do secretário: “Se pensa que está no quartel, onde mandava de cima para baixo, é bom saber que na secretaria foi indicado para atender bem, fazer pontes e não muros”.

 

Assessoria da Bancada do MDB

Acompanhe Fernando Krelling


Fernando Krelling
Voltar