Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina Agência AL

Facebook Flickr Twitter Youtube Instagram

Pesquisar

+ Filtros de busca

 
Assistir
15:30
Ao vivo

Revista Digital

Cadastro

Mantenha-se informado. Faça aqui o seu cadastro.

Whatsapp

Cadastre-se para receber notícias da Assembleia Legislativa no seu celular.

Filtrar por deputado / bancada
Aumentar Fonte / Diminuir Fonte
11/06/2014 - 15h04min

Assegurados recursos para o projeto do acesso ao distrito de Sede Brum

Imprimir Enviar

A secretaria estadual de Infraestrutura assegurou a contratação de projeto para a pavimentação do acesso ao distrito de Sede Brum, em Concórdia, por meio de recursos orçamentários do Deinfra. A informação foi confirmada ao deputado Moacir Sopelsa (PMDB) em audiência com o secretário João Carlos Ecker e o presidente daquela autarquia, Paulo Meller. A disponibilidade de recursos para medições, levantamentos topográficos e projeto técnico é de R$ 800 mil, para um trecho de aproximadamente de 12 quilômetros que irá facilitar o acesso ao distrito e ao lago da hidrelétrica de Itá, no município de Concórdia, bem como à sede da reserva estadual ecológica Fritz Plaumann.

“Estamos avançando para a concretização de mais um sonho da comunidade de Concórdia. O distrito tem um imenso potencial turístico, o parque é nossa principal reserva e a comunidade será beneficiada, no futuro, com o acesso facilitado a um importante equipamento de lazer, e estará mais próxima do lago”, avalia Sopelsa.

Jaborá a 153 – Também ficou definida a re4alização de nova concorrência para a complementação das obras de revitalização do trecho entre Jaborá e a BR-153, principal via de acesso de Concórdia e região rumo à BR-282 e o litoral. A desistência das empreiteiras que participaram da primeira licitação abre a possibilidade para o novo certame, que será realizado em padrões internacionais. A previsão mais otimista, em razão dos prazos para homologar a nova empresa responsável pela execução da obra é setembro. Mas antes, com a finalidade de assegurar a segurança dos usuários, a unidade do Deinfra de Chapecó fará uma manutenção emergencial com uma operação tapa-buracos.

“Não é o ideal, mas é o possível. A empresa que deixou a obra será executada, conforme prevê o contrato. E a nova licitação será feita da maneira mais ágil, mas há prazos para apresentar o edital, analisar propostas e homologar a vencedora”, explica Sopelsa.

 

Assessoria da Bancada do PMDB

Evory Pedro Schmitt (48) 9922.0359


Crédito fotos: Acervo Ecopef

Acompanhe Moacir Sopelsa


http://www.alesc.sc.gov.br/moacirsopelsa
Voltar